Método Lemus:

metodologia multissensorial na Leitura e Escrita

i

REGIME

À distância (EaD) ou Presencial

}

DURAÇÃO

50 Horas (25h síncronas e 25h de trabalho autónomo)

DATAS

Datas por definir

INVESTIMENTO

130€

10% desconto
Alunos matriculados
Desempregados
Sócios da APTF ou SPTF

25% desconto
Grupos – 3 elementos

OBJETIVOS DA FORMAÇÃO

– Sensibilizar os docentes/terapeutas para a importância de uma correta identificação precoce das dificuldades de aprendizagem de leitura e escrita;

– Desenvolver competências avaliativas, distintas, para as perturbações de aprendizagem específicas e as perturbações de aprendizagem globais;

– Otimizar as competências técnicas no âmbito da intervenção direta com crianças que apresentam dificuldades severas de aprendizagem de leitura e escrita, através de metodologia multissensorial;

– Dotar os docentes/terapeutas de competências de aplicação do método Lemus: metodologia multissensorial.

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

Módulo 1

  • Apresentação da Oficina de Formação:

“Método Lemus: metodologia multissensorial”

  • Neurobiologia das dificuldades de aprendizagem;
  • Competências básicas para aprendizagem da leitura e escrita;

Módulo 2

  • Linguagem e a sua relação com as aprendizagens formais de leitura e escrita:
  • Perturbações do Neurodesenvolvimento e as dificuldades de aprendizagem:
  • Perturbações intelectuais do desenvolvimento e a aprendizagem de leitura e escrita;
  • Avaliação da leitura e escrita nas perturbações intelectuais do desenvolvimento;

 Módulo 3

  • Modelos e métodos de aprendizagem de leitura e escrita;
  • Métodos ascendentes (sintéticos);
  • Métodos descendentes (analíticos);
  • Métodos interativos (sintético-analíticos);
  • Métodos multissensoriais.

Módulo 4

  • Método “Lemus”
  • História da construção;
  • Estrutura;
  • Objetivos;
  • Planificação e intervenção com o método;

Módulo 5

  • Apresentação de trabalhos (vídeos de estudos de caso em prática pedagógica);
  • Análise e discussão dos vídeos:
  • Avaliação e conclusão da formação.
EQUIPA PEDAGÓGICA

Catarina Martins é psicóloga, desde 1997, especialista em Psicologia da Educação e Psicologia Clínica e da Saúde,

É licenciada em Psicologia, mestre em Psicologia Cognitiva e doutorada em Psicologia, pela Universidade de Coimbra.

Foi psicóloga na APCV e na ASSOL, tendo desenvolvido intervenção em contextos de Habilitação e em ambientes inclusivos:

Tem apresentado comunicações em reuniões científicas internacionais, nas quais recebeu vários prémios. Tem artigos publicados, essencialmente na área da Educação Inclusiva.

É Formadora em Centros de Formação de Docentes e consultora-especialista de oficinas de formação acreditadas para docentes.

É revisora científica do Centro de Recursos online da International Alliance of Academies of Childhood Disability (IAACD Knowledge Hub) e em revistas de investigação científica em educação.

Atualmente, integra projetos internacionais de Educação Inclusiva, é docente no Ensino Superior e Coordenadora do Centro de Desenvolvimento Arco-íris da AVISPT21.

Catarina Mendes Lopes dos Santos é terapeuta da fala, formada Pela Escola Superior de Saúde do Alcoitão, desde 1997. É mestre em Educação Especial: Domínio Cognitivo e Motor, pela Escola Superior de Educação de Viseu e pós-graduada em Desenvolvimento e Perturbações da Linguagem na Criança, pela Escola Superior de Saúde de Setúbal.

É coautora do Programa de Ensino de Leitura e Escrita “Ler e Escrever com Todos os Sentidos: Metodologia Multissensorial”, que tem apresentado em ações de formação de professores e em reuniões científicas internacionais e em trabalhos publicados.

Trabalha, com crianças em idades escolar com perturbações de aprendizagem de leitura e escrita, perturbações fonológicas e perturbações cognitivas, no Centro Hospitalar Tondela Viseu, E.P.E.  (desde 1999) e no Centro de Desenvolvimento Arco-íris da AVISPT21.

DESTINATÁRIOS
  • Educadores de Infância;

  • Professores;

  • Professores de ensino especial;

  • Terapeutas da fala;

  • Terapeutas ocupacionais;

  • Psicólogos;

  • Psicopedagogos;

  • Técnicos de educação especial e reabilitação;

  • Técnicos de psicomotricidade.